Resenha de filme : UMA HISTÓRIA DE AMOR E FÚRIA

uma historia de amor e furia capa

Provavelmente inaugurando a serie de “ Resenhas que já deveria ter escrito e ainda não escrevi não sei o porque... ( mas devo fazê-lo em breve )”, segue a resenha da tentativa nacional de se fazer um filme de animação que acertou muito, errou em algumas coisas, mostrou que o potencial existe mas talvez tenha saído no momento errado.

 

 

O filme de animação conta a história de um homem que começa cercado junto a uma mulher sobre a ameaça de soldados armados. Ele narra a história e começa com o inicio da sua vida, no passado do Brasil, na época da colonização, quando ele era um índio tupinambá e estava fazendo o ritual de todo índio quando chega na idade : Estava caçando uma onça. Este índio tinha a sua amada na aldeia, a índia chamada Janaina. Durante a caçada a onça, ele a encontra, porem a caçada não sai como ele esperava e os dois ficaram na iminência de serem atacados pela onça, quando ele no desespero pulou abraçado com ela em um penhasco e, para surpresa dos dois, ele voou. Alertado mais tarde pelo sábio de sua tribo, ele fora avisado que ganhou algumas capacidades para ajudar seu povo contra a força de Anhangá. A partir deste momento, ele passa a viver eternamente encontrando a reencarnação de Janaína durante outros momentos da história brasileira, vivendo como um pássaro entre as suas vidas humanas, culminando naquele momento do inicio do filme.

 

uma historia de amor e furia 01

Nós aqui no ocidente do mundo ficamos com aquele conceito de que animação é coisa feita para crianças, enquanto lá no oriente eles desenvolveram a ideia de que animação pode ser feita para qualquer idade, animação é apenas um formato. Este filme é voltado para um publico jovem, fora uma tentativa brasileira de criar uma animação em longa-metragem, fato raro aqui nestas terras tupiniquins.

AVISO : possíveis spoilers a partir deste ponto.

Os produtores optaram por um traço que lembra um pouco anime misturado com um pouco de cartoon. Isso buscou um visual mais original e conseguiu esquivar de algumas dificuldades que poderiam surgir, como por exemplo a nudez dos índios no inicio do filme que pelo traço mais cartoonizado fora suavizada. O problema que vi nesta opção, fora que o traço ficou muito simples, o que não seria nada demais, se não fosse o fato de que o trabalho de background é absurdamente bem detalhado. Fica algo estranho em alguns momentos apesar de não comprometer o resultado final. Os efeitos no período futurista do argumento e durante as visões do personagem principal foram muito competentes.

O argumento se passa em momentos distintos da história do Brasil, começando na colonização, passando pelo período onde ocorre a revolta dos balaios, pela ditadura militar e terminando em uma visão futurista pessimista. O personagem principal está sempre na posição de alguém que está no movimento contrário a força dominante. Apesar de que não há uma definição clara do que exatamente é o Anhangá citado, se é a força da opressão, se é a destruição, etc, o que se nota é que o personagem está sempre do lado desfavorecido, como um herói dos oprimidos, mesmo que estes sejam considerados criminosos. A maior originalidade fica com a visão futurista do Rio de Janeiro, no ano de 2096: Uma cidade verticalizada dominada por uma corporação que domina o fornecimento de água da cidade, contratando milicias particulares para reprimir qualquer tentativa de rebelião ou grupos de oposição e neste momento a cidade tem um, o grupo chamado Comando Água Para Todos. Apesar da estranha alegação no argumento de que a água pura é mais cara de que uma garrafa de whisky ( cá para nós, whisky usa água para ser fabricado, se assim fosse, seria mais interessante a empresa apenas engarrafar a água ao invés de fazer algo que custa mais para fazer e que seria vendido por menos ), o controle da água é o ponto de conflito nesta cidade futurista. E como era de se esperar, uma das encarnações de Janaina faz parte deste grupo.

uma historia de amor e furia 02

A dublagem realizada por atores fora bem competente. Quem está acostumado a ver os atores vai reconhecer as vozes sem dificuldade.

Apesar da qualidade da produção e dos acertos, os maiores problemas deste filme talvez tenham sido dois :

O primeiro dele é justamente a fato de que me trouxe a impressão de que o filme fora muito curto. Fica uma sensação de que poderia ter rendido muito mais história, mas talvez tenha essa impressão devido ao seu ritmo que fica muito mais acelerado no final. Dependendo da pessoa, pode ser considerado um ponto a favor, pois o filme não fica cansativo a quem assiste. Talvez pudesse ter havido mais uma encarnação no meio da história.

O segundo é o momento em que este filme saiu nos cinemas. Por azar, ele veio depois do filme “ A Viagem ( Cloud Atlas )” e isso trás uma sensação de que os argumentos parecem-se muito. Vamos lá : um homem que narra a história no inicio dela, sendo que ele é do futuro e o filme volta a este momento no final? Confere. Vários momentos na historia que são ligados entre si e que há personagem que no caso deste filme é uma reencarnação e no outro fica a indicação de que o seria? Confere. O momento inicial da história se passa na colonização ( mesmo que na colonização de países diferentes )? Confere de novo. Perceberam o porque do meu comentário ?

uma historia de amor e furia 03

O filme mostra que existe um potencial latente aqui no Brasil para este tipo de filme e que se possível for conseguir os patrocinadores ( mesmo que sejam muitos e que apareçam na forma de marketing dentro do próprio filme ) poderemos ter mais produções deste tipo aparecendo nos cinemas.

 

 

 

Leave your comments

Post comment as a guest

0

People in this conversation

  • Guest - Karlos Junior

    Essa série de resenhas da falta de tempo já se tornou uma constante pra mim..hehe Achei o filme muito legal, principalmente por ser brasileiro e por mostrar que os heróis da História não são mesmo tão heroicos assim. Vale a pena rever esse filme quando tiver na locadora, digo torrent mais próximo que encontrar. :p

    Like 0 Short URL:
  • Guest - Vitória Cristina

    Acho que deveria ter mais resumos pois ficou muito pequeno, e não teve tantas conclusões! Por favor melhore este texto!! :o

    Like 0 Short URL:
  • Vitória, no sentido que você falou não há como melhorar, pois o objetivo do texto é esse mesmo, contar as impressões que tivemos sem contar o enredo para que aqueles que viram o filme possam comentar e para instigar aqueles que não viram para que assistam e comentem.

    O seu comentário me leva a crer que você confundiu resenha com resumo, são duas coisas bem diferentes, esse texto é uma resenha e não o resumo que você quer copiar para usar no seu trabalho de escola. Um conselho pra você, graças a Deus minha mãe era professora e conseguiu me ensinar o valor dessas coisas. Assista ao filme e faça você mesma esse resumo, trabalhos escolares como esse nos dão experiências que levamos para a vida toda. Eu jamais conseguiria falar em público como faço hoje ou escrever textos, se não tivesse participado de seminários na escola, lembro-me de ter ficado muito nervoso, mas essa experiência me ajudou muito. Você em qualquer lugar que for trabalhar vai precisar ler, assistir algo, ou conversar com as pessoas analisar a situação e fazer um resumo que vai te orientar a tomar decisões. Esse trabalho vai ser bom para você como os que eu tive que fazer foram bons para mim. Pense nisso!

    Like 0 Short URL:
Powered by Komento